[vc_row][vc_column][vc_column_text]A volta às aulas é um momento de expectativa. Tudo é novo: materiais, livros, professores, conteúdos, o que contribui para o envolvimento da família e a participação mais próxima neste momento. Mas, conforme o ano letivo avança, é natural que o ritmo de atenção diminua.

“O envolvimento da família tem impacto direto na vida escolar e no aproveitamento do aluno. Um olhar atento identifica oportunidades de conhecimento, torna o aprendizado uma atividade leve, prazerosa e ajuda a intensificar a relação entre pais e filhos”, explica a gerente de Pesquisa & Desenvolvimento do Itaú Social, Patrícia Mota Guedes, especialista em educação.

Segundo ela, algumas ações simples podem ser colocadas em prática durante todo o ano, mesmo diante da correria do dia a dia.

1. Participe, sempre que possível, das reuniões e encontros organizados pela escola para conhecer o que o aluno está aprendendo. A proximidade lhe permite trocar ideias com a equipe e construir laços de confiança;

2. Demonstre interesse pelo que a criança aprende. Reserve um tempinho para conversar sobre as atividades que ela realizou e peça para que conte sobre o que aprendeu;

3. Aproveite situações cotidianas para relacionar os conteúdos aprendidos na aula e não deixe de olhar o caderno, ajudar a organizar o material, cuidar do uniforme e ficar atento à agenda de atividades e provas;

4. Certifique-se de que o aluno está cumprindo os horários de entrada e saída e indo às aulas todos os dias. Respeitar o horário escolar é uma importante oportunidade para ensiná-lo a ter compromisso;

5. Ajude o aluno a manter uma rotina. Tudo tem hora: dormir e acordar, comer, estudar e até se divertir. Isso fará com que ele tenha mais concentração e aprenda a respeitar horários;

6. Estimule a aprendizagem e incentive o hábito de leitura. Escolha uma história de que o aluno goste, leia para ele se puder, peça para que ele leia para você e aproveite para conversarem sobre o texto;

7. As crianças e os adolescentes devem ser orientados de que existem brincadeiras que não têm graça nenhuma, como apelidos que ofendem ou outras formas de zombar dos colegas, o chamado bullying;

8. O bom desempenho escolar depende de uma condição adequada de saúde. Cuidar dos detalhes é uma forma de carinho. Procure priorizar sempre ações como ter as vacinas em dia; dar remédios somente com orientação médica; manter bons hábitos de higiene – banho, corte de unhas e limpeza das orelhas –; levar ao dentista e ao médico regularmente e oferecer alimentação saudável;

9. Procure conhecer as famílias dos amigos do seu filho. Em momentos de descanso, como as férias ou feriados, reúna todos: pense em passeios, atividades diferentes para a família e para o grupo de amigos.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]